Chery Notícias Equipe Carros da China

Novo Chery QQ será produzido no Brasil a partir de 2015

O futuro dos modelos Chery no Brasil já podem ser vistos na China. O presidente da montadora no país, Luis Curi, confirmou neste sábado (20), durante o Salão de Xangai, que o segundo modelo a ser produzido na fábrica de Jacareí, em São Paulo, é a nova geração do hatch compacto QQ. A produção e a comercializaão começas em 2015, de acordo com o vice-presidente do grupo chinês, Biren Zhou. Isso a versão brasileira. Enquanto ela não vem, a nova geração será importada, mas a data ainda não foi definida.

O primeiro carro a ser fabricado em Jacareí, como a montadora havia informado em março, é o Celer que será vendido já no começo do ano que vem. A versão importada já está disponível no mercado brasileiro.

qq-2-620

O QQ mudou bastante visualmente. As linhas do modelo evoluíram, assim como o acabamento. Soldas e vãos estão mais caprichados e, no interior, o plástico utilizado é de melhor qualidade do que o da geração anterior. Pode-se dizer que ele subiu dois degraus de evolução, embora a plataforma continue a mesma.

Destaque para o interior, que combina no console central detalhes coloridos no mesmo tom da carroceria – são cinco opções de cores – e os bancos com estofamento de melhor qualidade. Assim, ele ficou no mesmo patamar do concorrente direto Jac J2 – inclusive, visualmente parecido.

Embora estruturalmente continue o mesmo, o modelo, teve sistemas atualizados e, assim, modernizados – de qualquer forma, decepciona aqueles que esperavam mais por se tratar de uma nova geração, especialmente em relação à motorização. Mas o motor é o mesmo 1.0 de 69 cavalos a gasolina. No caso do Brasil, ele será flex. A transmissão é manual ou automática de cinco marchas.

“Aqui no Salão de Xangai, mostrando estas novidades, podemos mostrar aos consumidores brasileiras que a Chery do Brasil inicia uma nova era, por ela mesmo. Nós não somos mais uma distribuidora local, nós somos a divisão da Chery no Brasil”, destaca Curi.Biren Zhou reforça que para Chery o Brasil é o mercado mais importante para a expansão da marca fora da China.

Nova fase

Embora seja considerada uma novata no mercado chinês por ter 16 anos de existência apenas, a Chery está entre as cinco maiores do país, ao lado de Jac Motors, Great Wall, Geely e BYD. De capital 100% estatal, a montadora agora quer mostrar que além de carros bonitos pode oferecer modelos bem avançados tecnologicamente. Para mudar o conceito de veículos de baixa qualidade, ela tratou de mudar todo o planejamento de marketing e produto: no Salão de Xangai, ela lançou a logomarca renovada ao lado de dois novos modelos em versão final para produção, o sedã Alfa 7 e o SUV Beta 5.

10004

Os dois são de uma mesma família que estreia o novo conceito de design da equipe de James Hope, designer que já passou por Ford, Daimler e Opel. Em entrevista a jornalistas brasileiros, o diretor de design da marca afirma que se inspirou nos movimentos da água para criar o modelo. “Eles trazem um novo conceito de desenho. Se reparar bem, movimentos como o de uma pedra caindo na água e de cachoeiras foram utilizados para dar forma ao carro”, descreve Hope sobre as linhas totalmente diferenciadas para um modelo Chery. Destaque para o diferenciado conjunto ótico que, embora lembre modelos da Audi, já mostra abordagem diferenciada ao observar todo o conjunto frontal.

Quando for lançado, o sedã virá com motor 1.6 turbo e transmissão de dupla embreagem e seis marchas. Também terá o sistema de conectividade e entretenimento chamado de Cloud Drive. Já o Beta 5 entrará em produção em 2015 e é classificado pela Chery como um modelo premium. Ele virá nas versões 2.0 aspirado, de 132 cavalos de potência, e 1.6 turbo, de 152 cavalos. Os dois a gasolina.

Sobre a vinda desses modelos no país, Cury não descarta a oportunidade de também serem lançados no Brasil, mas tudo vai depender das condições do mercado, cotas e da evolução dentro do regime automotivo brasileiro, o Inovar Auto. “Todos os modelos aqui podem ser vendidos no Brasil.”

Vi no Auto Esporte

Sobre o autor | Website

Alexandre Carvalho é empresário na área de Marketing e Coaching. Uma das suas empresas é a Forcom, especialista em gestão de marketing e conteúdo. Ativo e interessado em diversas temas, tem como objetivo divulgar o segmento de Carros Chineses no Brasil.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

1 Comentário

  1. Nicely , the view of the passage is totally correct ,your details is seriously reasonable and you guy give us valuable enlightening submit