Jac Notícias Equipe Carros da China

JAC eleva meta de capacidade produtiva no Brasil

A fábrica da JAC que será construída em Camaçari (BA) ainda não saiu do papel e a montadora já revisou seus planos: aumentou a capacidade produtiva em 20% com relação ao projetado inicialmente, para 120 mil veículos leves por ano, segundo comunicado divulgado pela companhia chinesa. A planta brasileira, que receberá investimento de R$ 900 milhões, iniciará suas operações em 2014 e deve gerar 3,5 mil empregos diretos e 10 mil indiretos.

Os processos para a concepção da unidade baiana já começaram e estão sob a supervisão do diretor industrial Tarcísio Telles, que ocupou o mesmo cargo no Grupo PSA Peugeot Citroën. A JAC dará início ao processo de definição dos fornecedores no Brasil a partir da realização de um workshop nos dias 14 e 15 de maio, na sede da Federação das Indústrias do Estado da Bahia (FIEB), conforme adiantado pelo próprio presidente da empresa, Sérgio Habib, durante o III Fórum da Indústria Automobilística promovido pela Automotive Business.

No encontro, a JAC apresentará o projeto de seu complexo industrial e permitirá às empresas participantes que mostrem todos os itens de sua linha de produtos. O evento contará com o apoio do Sindicato Nacional da Indústria de Componentes para Veículos Automotores (Sindipeças) e Secretaria da Indústria, Comércio e Mineração do Estado da Bahia (SICM). A montadora espera reunir mais de 200 empresas fabricantes nacionais de peças e componentes. Outros workshops com fornecedores de serviços e máquinas estão programados para ocorrer ainda este ano, informa o comunicado.

Vi no Automotive Business

Sobre o autor | Website

Alexandre Carvalho é empresário na área de Marketing e Coaching. Uma das suas empresas é a Forcom, especialista em gestão de marketing e conteúdo. Ativo e interessado em diversas temas, tem como objetivo divulgar o segmento de Carros Chineses no Brasil.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

65 Comentários